Uma tinta especial, desenvolvida por pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e de Harvard, permite a confecção de tatuagens biossensoriais onde a tinta muda de cor de acordo com o nível glicêmico no sangue.

O produto ainda está na fase de teste, mas já imagino, em futuro não muito distante, como as empresas que, ainda hoje, possuem regras quanto ao estereótipo dos seus funcionários se comportariam neste novo cenário.

 

84 View

Leave a Comment